Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 22 de Outubro de 2017

  • 20/09/2017
  • 12:28
  • Atualização: 12:33

"O Laçador" inspira exposição com mais de 50 obras

Coletiva reúne esculturas, pinturas e desenhos na Galeria Guion Arte

Escultura

Escultura "O Boleador", de Antonio Caringi, integra a mostra no Guion Arte | Foto: Carlos Schmidt / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Galeria Guion Arte (Lima e Silva, 776), em Porto Alegre, apresenta, desta quarta até dia 5 de novembro, a exposição coletiva “O Laçador & os Gaúchos”, com 50 trabalhos, entre esculturas, pinturas e desenhos. A escolha foi feita tendo como ponto de partida a obra icônica “O Laçador”, do artista pelotense Antonio Caringi, considerada patrimônio cultural e símbolo de Porto Alegre.

A coletiva exibe trabalhos que retratam o monumento, como as pinturas de Eduardo Vieira da Cunha, Britto Velho e Paulo Peres. Também poderão ser vistas obras de Antonio Soriano, Gustavo Nakle, Glênio Bianchetti, Guma, Clébio Sória e Guma.

Há também a peça “O Boleador”, de Caringi, vencedora de concurso público do qual participaram Fernando Corona e Vasco Prado. O modelo para a escultura foi o folclorista Paixão Cortês, na época um jovem apreciador dos costumes e da cultura campeira do sul-rio-grandense.

Segundo o marchand Carlos Schmidt, chama atenção o fato de que a obra com a qual Caringi participou do concurso era a figura de um boleador e não de um laçador. Era para a estátua estar com boleadeiras na mão, e não um laço. Por sugestão do artista e com o consentimento da comissão julgadora, ficou definido que seria um laço, e o nome oficial seria “O Laçador”.

A exposição é dividida em dois módulos. O primeiro é “O Laçador”, com 25 desenhos, pinturas a óleo e acrílico que retratam o monumento, dos quais 24 são de 2004 e uma é de 2005, de Eduardo Vieira da Cunha. No módulo Mas Bah!, estão “O Boleador”, de Antonio Caringi e o Gaucho”, de Vasco Prado.