Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 25 de Abril de 2017

  • 19/04/2017
  • 08:28
  • Atualização: 08:32

Cantoras fazem roteiro de shows em Porto Alegre

Apresentações incluem dois tributos a Elis Regina, novo espetáculo de Bibi Ferreira e Karol Conka

Bibi Ferreira, em celebração aos seus 75 anos, volta com novo espetáculo | Foto: William Aguiar / Divulgação / CP

Bibi Ferreira, em celebração aos seus 75 anos, volta com novo espetáculo | Foto: William Aguiar / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A cantora Elis Regina ganha duas homenagens esta semana. Hoje, às 20h, no Teatro do Sesc (Alberto Bins, 665), Rosana Marques e banda apresentam um repertório centralizado em canções gravadas por Elis nos anos 70, como “Vida de Bailarina”, “Essa Mulher” e “Caxangá”. O Grupo Vocal MPB e a Little Band de Sopros sobem ao palco para participações especiais.

No Ocidente (Osvaldo Aranha, 960), na quarta, 23h, o tributo a Elis Regina é feito por Camila Lopez e o Arrastão traçam uma linha do tempo através de 20 canções, incluindo sucessos como Upa Neguinho”, “arrastão” e “Como nossos pais”. O Arrastão é composto por Alexandre Alles, Gabriel Sack, Mateus Albornoz, Matheus Herrmann e Rafael Pavão, em um recriação da formação do grupo que acompanhou Elis na década de 70.

Bibi Ferreira, em celebração a seus 75 anos de carreira, se apresenta no Teatro do Bourbon Country (Túlio de Rose, 80), amanhã, 21h. O espetáculo “4 x Bibi”, sob a regência do maestro Flávio Mendes, reúne canções de Amália Rodrigues, Carlos Gardel, Frank Sinatra e Edith Piaf. “São quatro grandes estrelas da música mundial, com repertórios excepcionais, cada uma dentro do seu gênero. São os últimos quatro shows que eu fiz”, afirma Bibi.

A quinta também será para ver no Opinião (José do Patrocínio, 834), Karol Conka em show, às 23h30min. Conhecida por suas letras sobre empoderamento feminino, crítica social e baladas, a curitibana coloca todos a dançar e pensar com seu hip hop, mostrando seu trabalho de estreia, “Batuk Freak”, e canções que viraram hits: “Tombei” e “É o poder” e as novas “Maracutaia” e “Farofei. A abertura é de Luccas Carlos.