Porto Alegre

17ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Julho de 2017

  • 14/02/2017
  • 16:32
  • Atualização: 17:53

Semana de Moda de Nova Iorque apresenta estilista com síndrome de Down

Madeline Stuart desfilou sob ovações e apresentou sua primeira coleção

Ela (à esquerda), lançou sua marca

Ela (à esquerda), lançou sua marca "21 Reasons Why" | Foto: Arun Nevader / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

Uma jovem estilista com síndrome de Down lançou sua linha esportiva, e outro desfile mostrou lingerie especialmente adaptada para mulheres com câncer de mama. A Semana de Moda de Nova York foi, no domingo, uma ocasião para desafiar os cânones e os padrões da moda. Madeline Stuart, modelo australiana de 20 anos, apresentou uma linha esportiva e casual em lycra, com calças, saias e tops com mensagens como "Super manequim" ou "Eu sou a Fashion Week" para a estreia da sua marca "21 Reasons Why".

"É uma linha na qual todos podem estar confortáveis e se sentir bem em sua pele", disse Rosanne Stuart, mãe de Madeline. O nome é uma referência ao cromossomo 21, cuja anomalia é a causa da síndrome de Down, mas também à vontade de ver o mundo ganhar em diversidade e ao desejo compartilhado de ter 21 anos, acrescentou, ressaltando que a coleção foi totalmente criada por ela e por sua filha.

Madeline pretende continuar deixando sua marca na moda: ela ia participar em um desfile nesta segunda-feira, trabalhar como modelo em Los Angeles e Londres, e espera mostrar em breve sua coleção em Denver e na Semana de Moda de Paris. A jovem obteve recentemente um visto de trabalho americano, tornando-se a "única pessoa com uma deficiência mental" a receber um, ressaltou a mãe.

O desfile de Madeline foi parte de uma série de apresentações originais organizadas em uma galeria de arte no bairro de Lower East Side. Várias modelos se apresentam durante desfile da AnaOno Intimates X Cancerland durante a Semana de Moda de Nova York, em 12 de fevereiro de 2017 Antes de "21 Reasons Why", os convidados assistiram a outro desfile de fortes emoções, dedicado a mulheres com câncer de mama.

 

Um total de 16 mulheres, de diferentes idades e origens étnicas, apresentaram roupas íntimas da AnaOno, que concebe peças especialmente pensadas para mulheres que foram submetidas a uma mastectomia ou a uma operação nos seios. Algumas participantes exibiram orgulhosamente seus seios reconstruídos ou as mastectomias duplas sofridas, em um desfile de moda projetado para melhorar o conhecimento sobre a doença e incentivar a pesquisa científica.


TAGS » Moda, Variedades