Porto Alegre

16ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 19 de Novembro de 2017

  • 25/02/2017
  • 17:29
  • Atualização: 17:47

Barba requer cuidados especiais no verão

Barbearias se multiplicam para oferecer serviços especializados, inclusive no Litoral Norte

Em uma barbearia de Capão de Canoa, profissionais realizam uma média de 40 a 50 atendimentos relacionados a barba por dia | Foto: Guilherme Testa

Em uma barbearia de Capão de Canoa, profissionais realizam uma média de 40 a 50 atendimentos relacionados a barba por dia | Foto: Guilherme Testa

  • Comentários
  • Carmelito Bifano

Assim como o corpo e o cabelo, a barba precisa de cuidados especiais na estação com maiores temperaturas do ano. Não importa o estilo, todas necessitam de atenção no verão, mas, assim como os cabelos, as mais longas precisam de maior zelo para evitar que os fios “queimem”. Mas as curtas também não estão livres do problema. Então, especialistas pregam uma hidratação reforçada nos meses de calor.

“Assim como o corpo, a barba precisa ter cuidado com o sol. Muito utilizados na Europa, algumas marcas comercializam no Brasil os óleos para barba. Segundo o que estudei e verificamos no uso, eles não funcionam em climas tropicais como o nosso. Porque o óleo em contato com o sol queima os fios e a barba fica amarelada. Indico um bálsamo para a barba, pois ele trata o pelo, dá um condicionamento e melhora a saúde da barba, que desgasta com a água do mar e do sol”, revelou Jader Lewis, especialista de uma das mais famosas barbearias de Porto Alegre e que abriu uma filial em novembro no Litoral Norte.

Por ser tendência há algum tempo e bastante aceita pelos gaúchos, Lewis e o empresário Lucas Siqueira, 30 anos, comemoram a boa aceitação da barbearia em Capão da Canoa pelos veranistas e moradores na filial que fica na frente da delegacia da cidade. No local trabalham entre seis e nove barbeiros e realizam uma média de 40 a 50 atendimentos diários relacionadas a barbas.

“Espero que seja o primeiro de muitos anos. De todas as lojas que abrimos, a de Capão é a que teve melhor resultado. No Réveillon, chegamos a atender 300 clientes em um dia”, revelou Siqueira. “Uma coisa que me deixou impressionado foi a quantidade de paulistas que estavam no Litoral para a festa de fim de ano”, completou. No caso de algum problema com a pele em decorrência do calor, a indicação é pela procura de um dermatologista.

Cada um com seu estilo

“Neste período de calor tenho lavado a barba com xampu e passado o condicionar. Depois passo aqueles cremes especiais para barba e uso o pente para deixar mais firme. Infelizmente, não tenho muito tempo, mas o ideal seria passar duas vezes por dia para ficar no formato certo. Além disso, cortar, no máximo, de 15 em 15 dias”, revelou o barbudo André Berté.

O jogador profissional de futebol Bruno Baio usa uma barba curta, mas também não abre mão de certos cuidados com os fios do rosto. “Eu noto que os fios ficam um pouco mais claros no verão, mas não costumo ter uma barba muito grande, pois corto seguidamente. Eu prefiro que ela fique na cor natural, até para não inventar muito”, declarou o jogador, após fazer um corte em Capão da Canoa.

Independente dos cuidados que cada um tem com a sua barba, o importante é estar de bem com o seu estilo e visual. “Eu mantenho sempre aparada, pois é muito quente nesta época do ano e o suor incomoda, além de irritar. Eu noto que no verão os fios ficam um pouco mais claros, mas não me importo, dá um certo charme. Eu costumo lavar com xampu e usar um creme depois. Ou uma loção, mas o básico. Não tenho muita frescura”, revelou Robson Schorn Borges, de 23 anos.


TAGS » Moda, Verão, Variedades