Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 16 de Dezembro de 2017

  • 04/01/2017
  • 12:26
  • Atualização: 12:48

Série de ação "Sem Volta" estreia nesta quarta na Record TV

Com suspense e aventura, trama tem desafios de montanhistas no Pico da Agulha do Diabo, no Rio

Série conta com 33 atores vivendo situações de risco em região de Teresópolis no Rio de Janeiro | Foto: Record TV / Divulgação / CP

Série conta com 33 atores vivendo situações de risco em região de Teresópolis no Rio de Janeiro | Foto: Record TV / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Um grupo de 11 montanhistas se reúne para escalar a Agulha do Diabo, na Serra dos Órgãos, perto de Teresópolis, no Rio de Janeiro. Esta é a narrativa da série de ação, com muito suspense e drama, feita pela Record TV em parceria com as produtoras Panorâmica e Chatrone. Com roteiro de Gustavo Lipztein e direção de Edgard Miranda, esta produção é pioneira no gênero e estreia nesta quarta, às 22h30min.

O diretor Edgard Miranda explica os desafios para gravar esta série e fala sobre a inspiração que teve para filmá-la. “’Sem Volta’ é a primeira série de ação produzida no Brasil. Tínhamos que fazer algo grandioso, mas com pés no chão, pois tínhamos um orçamento apertado para o tamanho do projeto. Chamei o Ricardo Fujii, diretor de fotografia, e mostrei um teaser de 'O Regresso', filme de Alejandro Iñárritu, e decidimos usar aquele conceito de lente 14 a um palmo do rosto dos atores e praticamente nenhuma luz. Conseguimos um resultado único, diferente de tudo que já foi feito, pois além de ação, a série tem muito suspense e drama", comenta.

“Sem Volta” é uma série repleta de cenas de grande impacto como uma tromba d’água avassaladora que testará os limites das personagens e o coração do telespectador. E para acompanhar a saga desses montanhistas e de seu resgate, foram necessários um elenco de 33 atores, como Camila Rodrigues, Ângelo Paes Leme, Flávia Monteiro, Heitor Martinez, Nicola Siri, Gustavo Leão, Cláudia Mauro, Silvio Guindane, Roger Gobeth, Guilherme Dellorto, Juliana Schalch, Mariana Molina, Rhaisa Batista e Ivone Hoffmann. As gravações levaram três meses, com helicóptero e drones.