Porto Alegre

28ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 18 de Fevereiro de 2018

  • 23/01/2018
  • 07:17
  • Atualização: 07:25

Atmosfera de suspense domina peça "O Mal Entendido"

Atriz Fernanda Petit ganhou Prêmio Braskem 2016 de Melhor Atriz pelo papel na peça

Atriz Fernanda Petit ganhou Prêmio Braskem 2016 de Melhor Atriz pelo papel na peça | Foto: Adriana Marchiori / Divulgação / CP

Atriz Fernanda Petit ganhou Prêmio Braskem 2016 de Melhor Atriz pelo papel na peça | Foto: Adriana Marchiori / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Com direção de Daniel Colin e texto de Albert Camus, “O Mal Entendido” é uma das atrações do Porto Verão Alegre, desta terça-feira até quinta, às 21h, na Sala Álvaro Moreyra (Erico Verissimo, 307). Criado há quatro anos através do Prêmio de Incentivo à Pesquisa Teatral do Teatro de Arena, o trabalho fez cinco temporadas e foi considerado o melhor espetáculo gaúcho no Prêmio Braskem em Cena do Porto Alegre em Cena em 2016.

No palco, coberto com água para dar os efeitos visuais necessários, uma atmosfera de suspense e mistério para contar a história do reencontro familiar entre mãe e filha, proprietárias de uma antiga hospedaria em uma província decadente, e o filho/irmão. Bem sucedido e casado, ele se passa por um viajante desconhecido, após viver distante por muitos anos. A trajetória de vida das personagens e o desfecho arrepiante e surpreendente da história revelam que mesmo os sentimentos mais profundos e instintivos podem se deformar, se renegados ou esquecidos.

Todas as atrizes do elenco foram premiadas por suas atuações: Fernanda Petit recebeu o Prêmio Braskem 2016 de Melhor Atriz; e Gabriela Greco e Carla Cassapo ganharam os Prêmios Açorianos 2015 de Melhor Atriz e Melhor Atriz Coadjuvante, respectivamente. Completam a cena os atores Elison Couto e Pedro Nambuco. Na equipe estão outros nomes premiados pelo Açorianos no ano de 2015: Antonio Rabadan com o Melhor Figurino e Carlos Azevedo, com Melhor Iluminação. Na ficha técnica ainda figuram Beto Chedid na criação e execução de trilha sonora e Marco Fronckowiack e Rodrigo Souto Lopes na criação de cenário.