Porto Alegre

20ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

  • 10/01/2017
  • 11:18
  • Atualização: 12:03

Ganhar Libertadores com Grêmio será maior presente da minha vida, diz Léo Moura

Polivalente, lateral garantiu boa condição física e disse que jogou 33 jogos dos 38 no Brasileirão

Léo Moura revela desejo de conquistar Libertadores com Grêmio | Foto: João Vitor Ferreira / Rádio Guaíba / Especial / CP

Léo Moura revela desejo de conquistar Libertadores com Grêmio | Foto: João Vitor Ferreira / Rádio Guaíba / Especial / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

O novo lateral do Grêmio, Léo Moura, desembarcou no final da manhã desta terça-feira em Porto Alegre. Ainda no Aeroporto Internacional Salgado Filho, o jogador de 38 anos não escondeu a satisfação por chegar ao Tricolor e disse que busca um título inédito na carreira. 

"Eu trabalhei muito para estar em uma equipe de ponta novamente e quero trabalhar para retribuir a confiança da comissão técnica. A Libertadores é o título que falta para mim e Deus colocou essa oportunidade na minha carreira. Conquistar a Libertadores com o Grêmio vai ser o maior presente da minha vida", afirmou Léo Moura. 

Questionado sobre a sua condição física, Léo Moura comentou que jogou 33 dos 38 partidas do Brasileirão pelo Santa Cruz. "Tenho este biotipo e lógico que vou me preparar muito bem. São muitas partidas na temporada e em 2016 cumpri quase todas sem nenhum lesão, graças a Deus", acrescentou. 

Léo Moura enfatizou que tem capacidade para atuar como lateral e meia e dependerá apenas da ordem do técnico Renato Portaluppi. "Onde o Renato precisar eu vou estar pronto para ajudar", garantiu. 

Um ex-gremista como exemplo 

Léo Moura disse que segue o exemplo de Zé Roberto, meia do Palmeiras, que ainda atua com exuberância aos 42 anos. "Meu maior exemplo é o Zé Roberto, acho que não só para mim. Eu sigo ele e não sei se vou jogar ainda com 42 anos, mas creio que posso atuar um pouco mais", observou.