Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sexta-feira, 21 de Julho de 2017

  • 20/04/2017
  • 11:27
  • Atualização: 11:45

BOE deve abrir hoje sindicância para investigar suposta tortura na Arena do Grêmio

Professor universitário teria sido agredido por policiais militares

BOE deve abrir hoje sindicância para investigar suposta tortura na Arena do Grêmio | Foto: Facebook / Reprodução / CP

BOE deve abrir hoje sindicância para investigar suposta tortura na Arena do Grêmio | Foto: Facebook / Reprodução / CP

  • Comentários
  • Eduardo Paganella / Rádio Guaíba

O Batalhão de Operações Especiais (BOE) da Brigada Militar deve abrir nesta quinta-feira, até o final do dia, sindicância para apurar uma denúncia feita por um torcedor que alega ter sido vítima de tortura por agentes da Corporação no último domingo, na Arena do Grêmio. O responsável pelo Batalhão, major Cláudio Fiole, disse que deve dar início à investigação, após ter acesso ao boletim de ocorrência.

O autor da denúncia é Vinícius Mendes Lima, de 31 anos, professor universitário e empresário, acompanhava o jogo entre Grêmio e Novo Hamburgo, no último final de semana, pelo campeonato gaúcho. Conforme o relato, seguranças privados pediram para torcedores tirarem uma faixa. A Brigada Militar foi acionada para retirar os panos.

Neste momento, os torcedores começaram a filmar a ação dos policiais. Então, alguns agentes prenderam o torcedor. Após, ele foi levado para uma porta de banheiro, onde teria sido agredido, e depois para uma escada, de acesso restrito, onde sofreu novas agressões. O caso foi registrado na Polícia Civil e encaminhado para a 4ª Delegacia de Polícia.