Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, terça-feira, 25 de Abril de 2017

  • 17/04/2017
  • 23:13
  • Atualização: 07:54

Conselho do Inter reprova contas da gestão Vitorio Piffero

Demonstrativos financeiros foram aceitos, mas atos de administração rejeitados por conselheiros

Demonstrativos financeiros foram aceitos, mas atos de administração rejeitados por conselheiros | Foto: Guilherme Testa / CP Memória

Demonstrativos financeiros foram aceitos, mas atos de administração rejeitados por conselheiros | Foto: Guilherme Testa / CP Memória

  • Comentários
  • Correio do Povo e Rádio Guaíba

*Com informações do repórter Rafael Pfeiffer.

As contas da gestão Vitorio Piffero foram reprovadas nesta segunda-feira em reunião do Conselho Deliberativo do Inter. É a primeira vez que os demonstrativos financeiros de uma administração não recebem aprovação na história do clube.

• Blog do Hiltor: motivos da reprovação de contas

O ex-presidente Piffero não compareceu à reunião, por estar hospitalizado. O presidente do Conselho Fiscal, Geraldo da Camino, chegou a colocar em votação um pedido de adiamento, para que fosse garantida ampla defesa de Piffero ao relatório, mas a proposta foi rejeitada.

Representante da gestão anterior, Sandro Farias creditou a reprovação à mudança de estatuto do Colorado, salientando que os demonstrativos financeiros foram aprovados. "Reprovado foram atos de gestão, decorrentes de fragilidades de controle internos", explicou. "Fiz levantamentos nos últimos 15 anos e foram 145 ressalvas", argumentou Farias.

Da Camino explicou que houve uma divisão do relatório, aprovando os demonstrativos, mas reprovando atos de gestão. "Por falhas de controles internos e opções de pagamento, foi avaliado que comprometeram as finanças do clube", definiu.

Também foi aberta sindicância para apurar estes atos de gestão. "O pedido se prende à necessidade de se apurar a efetiva ocorrência de fatos. É prematuro se falar em consequências", relatou Da Camino.