Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

  • 26/11/2017
  • 15:08
  • Atualização: 15:10

Milhares de estudantes realizam a prova do Enade em Porto Alegre

Expectativa é que cinco mil tenham realizada o teste que visa medir o desempenho escolar

Expectativa é que cinco mil estudantes tenham feito o Enade | Foto: Guilherme Almeida

Expectativa é que cinco mil estudantes tenham feito o Enade | Foto: Guilherme Almeida

  • Comentários
  • Henrique Massaro

Milhares de estudantes se dirigiram aos campi de universidades no final da manhã e início da tarde deste domingo para a realização de mais uma edição das provas do Enade. O exame, que tem o objetivo de avaliar o desempenho dos cursos de Ensino Superior através de alunos ingressantes e concluintes. O Exame Nacional de Desempenho de Estudante (Enade) é obrigatório para alunos selecionados e é indispensável para emissão do histórico escolar e diploma.

Na Pontifícia Universidade do Rio Grande do Sul (PUCRS), onde os portões foram abertos ao meio-dia, conforme determinação do Ministério da Educação. A movimentação foi intensa no final da manhã para a realização da prova marcada para começar às 13h30min. De acordo com a Universidade, a expectativa era de receber aproximadamente cinco mil estudantes.

O acadêmico de Sistemas de Informação, da Faculdade Dom Bosco, Guilherme Santos, realizou a prova na PUCRS e disse achar ruim ter que fazer uma avaliação em pleno domingo. Ele, que se forma em 2018, disse que não vê tanta importância no Enade. “Na Faculdade se fala muito que é importante, mas eu sinceramente não acho que valha tanto”, afirmou.

Já o aluno de Engenharia Civil da PUCRS, Luciano Tasca, pensa de forma diferente. Ele, que deve se formar no próximo semestre, disse que considera importante avaliar o desempenho do curso. “Se todo mundo fizer a prova sério mesmo, é bom”, comentou o acadêmico, que também disse que deixar o curso bem avaliado ajuda até mesmo depois, no mercado de trabalho.

O coordenador do curso de Filosofia da PUCRS Leonardo Agostini, estava, juntamente com outros colaboradores da Universidade, auxiliando com que estudantes encontrassem seus prédios e entregando canetas para quem tivesse se esquecido do material. “Para nós, é sempre muito importante, porque nos dá uma avaliação em larga escala”, comentou ele sobre o Enade.