Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

  • 27/11/2017
  • 12:45
  • Atualização: 13:25

Ufrgs é considerada melhor universidade federal do Brasil, diz MEC

Dados foram divulgados hoje pelo ministério

Ufrgs é considerada melhor universidade federal do Brasil, diz MEC  | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

Ufrgs é considerada melhor universidade federal do Brasil, diz MEC | Foto: Samuel Maciel / CP Memória

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta segunda-feira as avaliações das instituições de educação superior do Brasil e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) foi considerada a melhor faculdade federal do País, segundo dados do Índice Geral de Cursos Avaliados, do Inep. A Ufrgs atingiu conceito 4,2985, em uma escala que vai de 1 a 5. 

No geral, a melhor universidade do Brasil é a Unicamp, que alcançou o conceito de 4,37. Logo atrás da Ufrgs, no que diz respeito às instituições federais, a Universidade Federal de Minas Gerais (Ufmg), que ficou com 4,22.  A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) ficou com 3,08, enquanto a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) teve conceito 3,49. A Unisinos, de São Leopoldo, ficou com índice de 3,5.  

O IGC é um indicador de qualidade que avalia as Instituições de Educação Superior. O cálculo é realizado anualmente e leva em conta a média dos CPCs do último triênio, relativos aos cursos avaliados da instituição, ponderada pelo número de matrículas em cada um dos cursos computados; média dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu atribuídos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na última avaliação trienal disponível, convertida para escala compatível e ponderada pelo número de matrículas em cada um dos programas de pós-graduação correspondentes;

Além disso, o índice avalia a distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino, graduação ou pós-graduação stricto sensu, excluindo as informações do item II para as instituições que não oferecerem pós-graduação stricto sensu.