Correio do Povo | Notícias | Número de mortes em acidentes de trânsito no RS caiu 20% em 2018, diz PRF

Porto Alegre, segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

  • 25/01/2019
  • 10:26
  • Atualização: 10:50

Número de mortes em acidentes de trânsito no RS caiu 20% em 2018, diz PRF

Conforme a Corporação, no ano passado, foram 14 óbitos no ano passado nas estradas federais gaúchas

Número de mortes em acidentes de trânsito no RS caiu 20% em 2018 | Foto: Polícia Rodoviária Federal / Divulgação / CP

Número de mortes em acidentes de trânsito no RS caiu 20% em 2018 | Foto: Polícia Rodoviária Federal / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou uma queda de 20% no número de mortes em acidentes de trânsito no Rio Grande do Sul em 2018 na comparação com 2017. Houve 249 acidentes graves com 314 óbitos no ano passado nas estradas federais gaúchas. Já no ano anterior, foram registrados 323 acidentes graves com 390 vítimas fatais.

Além de uma mudança gradual no comportamento dos condutores, a PRF atribuiu o resultado também ao maior rigor na fiscalização, direcionada inclusive aos locais onde acontecem com maior frequência os acidentes e mortes e que ocorrem infrações responsáveis pelos acidentes.

No balanço de 2018, a PRF contabilizou cerca de 308 mil veículos fiscalizados e mais de 556 mil pessoas abordadas. No período foram realizados mais de 166 mil testes, sinalizando uma média maior que um teste de etilômetro a cada dois veículos abordados. O número de condutores flagrados dirigindo sob o efeito de álcool aumentou no ano passado com 4,1 mil autuados por recusa ou constatação. Em 2017 foram 3,9 mil motoristas embriagados. Já em relação às ultrapassagens em 2018, os policiais rodoviários federais aplicaram multas em 19 mil motoristas, um índice 3% superior ao ano anterior.

Quanto à fiscalização por excesso de velocidade, o foco foi no número de horas de fiscalização por radar, somando mais de 8 mil horas de operação em 2018 comparado a 7,5 mil horas em 2017. O número de condutores flagrados em excesso de velocidade foi menor em 2018 com 155 mil infrações, enquanto 196 mil excederam o limite permitido em 2017.

Com o incremento da fiscalização, a PRF aumentou o número de autuações, sendo 317 mil infrações lavradas em 2018, das quais o excesso de velocidade correspondeu a cerca de 55% desse total. Por irregularidades diversas, 11.427 veículos retirados de circulação no período.

A PRF assegurou que manterá o rigor na fiscalização de trânsito, especialmente nas condutas associadas a acidentes graves como o excesso de velocidade, ultrapassagem em local proibido e embriaguez com o objetivo de atingir a meta de redução de mortes no trânsito conforme a proposta da ONU da Década de Ação pela Segurança do Trânsito e o Plano Nacional de Redução de Acidentes e Mortes no Trânsito.