Porto Alegre

23ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

  • 07/12/2017
  • 12:04
  • Atualização: 12:48

Operação Papai Noel terá reforço de 150 novos soldados

Eles atuarão até 5 de janeiro em Porto Alegre

  • Comentários
  • Correio do Povo

A operação Avante Papai Noel da Brigada Militar em Porto Alegre, que se estende até o dia 5 de janeiro do próximo ano, tem o reforço de 150 novos soldados que ainda estão na fase final o curso de formação e vão atuar supervisionados por oficiais. Eles se somam aos cerca de 1,3 mil policiais militares que atuam diariamente em toda a cidade. Na manhã desta quinta-feira na Praça XV, no Centro, ocorreu a solenidade oficial de abertura da operação que começou na terça-feira passada. A edição 2017 terá o incremento do efetivo do 4ºRPMon, com 60 policiais militares, e o patrulhamento de 60 policiais militares em motos. Todas as unidades operacionais do Comando de Policiamento da Capital estão mobilizadas.

Nem a forte chuva impediu o evento. “Trabalhamos 24 horas, faça chuva ou sol”, lembrou o coronel Jefferson de Barros Jacques, responsável pelo Comando de Policiamento da Capital. Ele destacou que o foco da Operação Papai Noel é o reforço do policiamento ostensivo nas regiões comerciais e bancárias da cidade, como Centro, Assis Brasil, Tristeza e Azenha, entre outras, durante o período de compras de fim de ano. Os entornos dos shoppings e comércio de bairros vão merecer igual atenção. “A ação é focada na prevenção e eventualmente na repressão aos pequenos delitos que ocorrem nesta época do ano, como roubo a pedestre, assalto aos estabelecimentos comerciais e evitar também os roubos de veículos”, explicou.

O comandante do CPC esclareceu ainda que a atuação se baseará também nos locais com o maior número de ocorrências significativas. “Vamos concentrar no horário que o comércio está funcionando”, observou, acrescentando que a Operação Papai Noel é acompanhada de uma campanha de orientações à população quando for às compras, sendo repassadas dicas preventivas para evitar, por exemplo, furto de dinheiro, cartões bancários e documentos dentro de bolsas, entre outros delitos.