Porto Alegre

14ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 24 de Julho de 2017

  • 19/04/2017
  • 21:38

Polícia prende duas mulheres e um homem em operação contra exploração sexual

Agentes vistoriaram condomínio localizado na rua da Conceição e galerias no Centro de Porto Alegre

  • Comentários
  • Jessica Hübler

Duas mulheres e um homem foram presos durante a Operação Caixa de Pandora, realizada pela Polícia Civil em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), com o objetivo de combater a exploração sexual infanto-juvenil no Centro de Porto Alegre. Um condomínio localizado na rua da Conceição, conhecido como “Carandiru” e as galerias do Rosário e Malcon foram vistoriadas pelos agentes. Dentro dos locais inspecionados pelos policiais, funcionavam mais de 50 salas de prostituição.

De acordo com a delegada do Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca), Laura Lopes, uma mulher foi presa no condomínio por exploração de outras mulheres (cafetina). “Ficou configurado que ela explorava as mulheres”, disse. Outra mulher foi presa na Galeria Malcon, responsável por uma sala onde uma menor de 14 anos estava sendo explorada sexualmente e o homem, também preso na Malcon, já havia sido condenado por roubo a banco e estava foragido da Justiça.

A menor de 14 anos, encontrada na Galeria Malcon, onde era explorada sexualmente, foi encaminhada ao Deca. “Agora entraremos em contato com os responsáveis ou com o Conselho Tutelar”, explicou. Conforme a delegada, é importante prevenir este tipo de crime. “O Deca faz rotineiramente este tipo de operação para combater a exploração sexual infanto-juvenil”, afirmou.

Segundo a PRF, a ação em conjunto com a Polícia Civil através do Deca poderá ser realizada nas rodovias federais.