Correio do Povo | Notícias | Solidariedade oficializa apoio à reeleição de Rodrigo Maia à presidência da Câmara

Porto Alegre, terça-feira, 18 de Junho de 2019

  • 09/01/2019
  • 12:40
  • Atualização: 12:49

Solidariedade oficializa apoio à reeleição de Rodrigo Maia à presidência da Câmara

Partido elegeu 13 deputados federais nas últimas eleições

Solidariedade oficializa apoio à reeleição de Rodrigo Maia à presidência da Câmara | Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil / CP

Solidariedade oficializa apoio à reeleição de Rodrigo Maia à presidência da Câmara | Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil / CP

  • Comentários
  • AE

O Solidariedade oficializou o apoio da bancada do partido na Câmara à reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) na presidência da Casa. A legenda elegeu 13 deputados federais nas últimas eleições.

"Acreditamos que o atual presidente da Câmara já demonstrou sua capacidade de conciliar todas as vertentes e pode trazer uma tranquilidade para o momento em que passa a política brasileira", diz em nota o presidente nacional do Solidariedade, Paulo Pereira da Silva. Para o dirigente, Maia é o candidato que tem a maior capacidade de conduzir a pauta de projetos importantes na Casa.

• PR oficializa apoio à reeleição de Maia para comando da Câmara

• Para Maia, idade defendida por Bolsonaro na Previdência "mata" a transição

Atual presidente da Câmara, Maia já conseguiu o apoio declarado de oito partidos para sua tentativa de reeleição no cargo. O solidariedade se junta aos outros sete partidos que declararam apoio: PSL, PRB, PSD, PPS, PR e PSDB, além do próprio DEM. Os partidos que se juntaram ao bloco de Maia somam 228 deputados eleitos em outubro do ano passado.

Para ganhar em primeiro turno, o candidato à presidência da Câmara precisa da maioria absoluta dos votos, ou seja, 257 deputados. Caso contrário, a escolha vai para segundo turno.