Porto Alegre

18ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

  • 09/07/2017
  • 15:50
  • Atualização: 09:25

Mulher é assassinada próximo à Usina do Gasômetro

Vítima trabalhava como guardadora de carros no local

Vítima trabalhava como guardadora de carros no local  | Foto: Henrique Massaro / Especial / CP

Vítima trabalhava como guardadora de carros no local | Foto: Henrique Massaro / Especial / CP

  • Comentários
  • Henrique Massaro

Uma mulher foi morta na tarde deste domingo na avenida Presidente João Goulart, nas proximidades da Usina do Gasômetro, em Porto Alegre. A guardadora de carros, identificada pela Polícia Civil como Sheron Shauana Peres, de 23 anos, foi executada a tiros no início da tarde. O motivo do crime teria sido vingança depois que a cuidadora de veículos evitou o furto de um carro.

De acordo com a mãe da vítima, que não quis se identificar, a filha havia impedido o roubo de um carro na avenida ainda na manhã de domingo. Em seguida, o homem, impedido de levar o automóvel, teria a ameaçado, jurando-a de morte.

Segundo as informações da mãe, que também é cuidadora de veículos, o criminoso retornou à tarde e, após executar a flanelinha, fugiu em uma motocicleta em direção ao Centro da Capital. Porém, de acordo o comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Eduardo Amorim, não foram registradas ocorrências nos últimos dias pelo 190 nas proximidades do local do crime.

A área do crime ficou isolada até próximo às 16h pela Brigada Militar (BM), Polícia Civil, e Empresa Pública de Transporte e Circulação. Dezenas de pessoas que passavam pela Orla do Guaíba observavam a cena. O movimento da população, no entanto, não diminuiu no local nem nas praças do entorno.