Correio do Povo | Notícias | Estilista associa Louis Vuitton a Michael Jackson em desfile

Porto Alegre, terça-feira, 18 de Junho de 2019

  • 18/01/2019
  • 09:55
  • Atualização: 10:32

Estilista associa Louis Vuitton a Michael Jackson em desfile

Convidados receberam luvas brancas brilhantes, um dos emblemas do rei do pop

Virgil Abloh está disposto a reinar sobre a passarela parisiense | Foto: Anne-Christine Poujoulat / AFP / CP

Virgil Abloh está disposto a reinar sobre a passarela parisiense | Foto: Anne-Christine Poujoulat / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

Virgil Abloh está disposto a reinar sobre a passarela parisiense. Em seu desfile para a Louis Vuitton homem na quinta-feira, o guru do streetwear associou a marca de luxo francesa a Michael Jackson, negro do centro-oeste americano, como ele. Abloh, de 38 anos, o único afro-americano à frente da direção artística de uma grande empresa de moda francesa, quis homenagear o cantor falecido, "ícone de sua infância e vida de adulto", "um menino que cresceu nos bairros pobres de Indiana e se tornou símbolo da união planetária".

Para seus 3,4 milhões de seguidores no Instagram, ele publicou um poema dedicado a Jackson, enquanto os convidados para o desfile no elegante Jardim das Tulherias receberam luvas brancas brilhantes, emblema do rei do pop.

O ex-colaborador de Kanye West incluiu a bandeira do estado de Indiana em vários tecidos plissados cobertos de bandeiras do mundo todo, uma das poucas de cores vivas em uma coleção monocromática, na qual o cinza em todos os seus tons predominou.

Os modelos desfilaram em uma espécie de "salão de cabeleireiro unissex" em uma rua imaginária de Nova York, na qual um artista desenhava grafites. Uma canção escrita para a ocasião, "You know what's good" (você sabe o que é bom), deu ritmo a um desfile, onde um dos protagonistas fez acrobacias.

A coleção trouxe uma moda de rua elegante, com tecidos sobrepostos confeccionados, por exemplo, com caxemira, lã e pele de cordeiro. O cinza prevaleceu em trajes clássicos revisitados, que recordavam os apresentados na véspera pelo próprio Abloh com sua marca Off-White, assim como alguns "looks" mais casuais, como tecidos acolchoados.

O homem Louis Vuitton de 2019 se vestirá com saias plissadas - outra homenagem a Michael Jackson, que usou uma em seu vídeo "Remember the Time", em 1992. Os padrões de vários "monumentos de Paris" se justificam por ser a "cidade cuja majestade e grandeza encantaram o cantor".

Abloh, um dos estilistas favoritos entre os millennials, também recuperou a lendária jaqueta do artista americano com três fechos vermelhos que usou para o vídeo de seu sucesso "Beat it".

Finalmente, Iron Man também teve lugar no desfile, sob a forma de um casaco longo de folha de alumínio com capuz e óculos de sol similares. O belga Dries Van Noten regressou a seu início com uma linha sóbria e elegante, com reminiscências dos anos 1940. O protagonismo das cores escuras e de um laranja desbotado deu a seu desfile um tom lúgubre, enquanto pelos alto-falantes se ouvia a voz de seus heróis, como Andy Warhol e Francis Bacon.

A Semana de Moda masculina continuará até domingo, e terá como destaque os desfiles da Dior, nesta sexta-feira, e da Celine, no último dia. Entre 21 e 24 de janeiro serão realizados desfiles de alta-costura.