Correio do Povo | Notícias | Porto Alegre arrecada donativos para Brumadinho

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de Julho de 2019

  • 27/01/2019
  • 16:24
  • Atualização: 17:04

Porto Alegre arrecada donativos para Brumadinho

Ponto central de coleta foi o Ginásio Tesourinha, ao longo do fim de semana

Doações dos porto-alegrenses foram centralizadas no Ginásio Tesourinha | Foto: Mauro Schaefer

Doações dos porto-alegrenses foram centralizadas no Ginásio Tesourinha | Foto: Mauro Schaefer

  • Comentários
  • Jessica Hübler

Durante o final de semana Porto Alegre arrecada doações para enviar ao município de Brumadinho, em Minas Gerais, como ajuda humanitária após o rompimento da barragem. A ação teve início na manhã de sábado e se estende até o início da noite de domingo. Diante da manifestação do governo mineiro de que a quantidade de donativos arrecadada já é suficiente, não sendo necessário continuar com pontos de coleta, que se espalharam Brasil afora. Na Capital o ponto central foi no Ginásio Tesouinha, localizado na avenida Erico Veríssimo.

Por lá foi possível observar diversos galões de água mineral, bem como grande quantidade de alimentos não perecíveis como arroz, feijão e pacotes de macarrão, além de materiais de higiene. Quem passou pela orla do Guaíba durante o evento Pokémon Go Safari Zone também teve a oportunidade de fazer doações, pois havia pontos de coleta no Gasômetro, no Anfiteatro Pôr-do-sol e Marina, junto às tendas da Niantic. A organização do evento mobilizou os participantes de todo o mundo a colaborarem com a campanha. A Guarda Municipal esteve nos pontos de coleta para receber os donativos.

Após o encaminhamento nos pontos de coleta espalhados pela orla, os donativos são recolhidos e levados para o Tesourinha. A iniciativa do prefeito Nelson Marchezan Júnior foi capitaneada pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Esporte, com apoio de todas as secretarias. “Vamos fazer a nossa parte, oferecendo um local para receber as doações, mas a ação depende da solidariedade dos porto-alegrenses”, afirmou o prefeito.

De acordo com o coordenador de Esporte e Lazer de Porto Alegre, Claudio Franzen, as redes sociais foram essenciais para disseminar os pontos de arrecadação das doações. "Muita gente disse que viu pelas redes da Prefeitura e veio até aqui (Tesourinha) para ajudar. Inclusive um casal passou aqui no sábado e contou que, no aniversário de casamento, pediram para os convidados apenas alimentos, água e materiais de higiene, que depois seriam doados em apoio aos atingidos pelo rompimento da barragem de Brumadinho, as pessoas acabaram se engajando bastante", comentou.

Segundo Franzen, muitos grupos que passavam pelo Tesourinha demonstravam profunda tristeza pelo acontecimento. "Estavam todos querendo ajudar, fosse com as doações ou até mesmo na organização dos produtos, como voluntários mesmo, foi bem bacana de ver", definiu. Para incentivar as doações, os porto-alegrenses utilizaram a hashtag #POAComBrumadinho nas redes sociais.